HOMEASSOCIE-SE Entrar     ☆     Esqueci a senha       ☆      2ª VIA BOLETO
Home > Vela > Dupla Santista sobe no pódio no Sul-Americano de Snipe

Dupla Santista sobe no pódio no Sul-Americano de Snipe

Os atletas do Internacional de Regatas, Rafael Gagliotti e Henrique Wisnieski, conquistaram a 5ª colocação na classe snipe, modalidade Vela, no Sul-Americano 2009, realizado em Olivos, na Argentina, entre os dias nove e onze de abril.

O Sul-Americano de Snipe 2009 foi marcado pelos ventos fracos, média de oito nós, e fortes correntes. Foram realizadas sete regatas, das oito programadas. “A competição teve gosto de vitória, pois não fomos muito bem no primeiro dia por causa de dificuldades em regular o barco que alugamos. Porém, nossa melhora foi crescente, até que no último dia, de 11°, passamos para 5° lugar na competição”, contam Rafael e Henrique.

Os atletas foram de avião para Argentina no dia sete de abril. A vela- snipe foi alugada no Uruguai, fato que dificultou a regata para os atletas, já que não estavam competindo com o barco no qual treinam todos os dias na Sede Náutica do Internacional.

SOBRE OS ATLETAS

Os velejadores Rafael Gagliotti, 23, e Henrique Gomes, 21, decidiram formar a dupla após o interesse em ingressar na classe (categoria) snipe (monotipo) de vela, e por terem o sonho de se destacarem no pódio de um Pan Americano e de uma Olimpíada. Esta união de forças aconteceu em 2001 e vem se destacando ano a ano.

Desde então, eles treinam todos os dias, de três a quatro horas na orla da praia de Santos. Além dos treinamentos físicos, realizados durante as manhas.

Hoje os atletas competem em duas classes diferentes,: snipe (a que iniciaram) e a 49er. Snipe é visto no Pan Americana e a 49er em Olimpíadas.

A DUPLA

Com os resultados obtidos em 2008, Rafael e Henrique são considerados uma das principais duplas que disputarão o campeonato Brasileiro 2009. Entre as principais conquistas de 2008 estão o 2º lugar no Campeonato Brasileiro, 1º no Sul Brasileiro, 4º no Sul Americano e 6º lugar no Campeonato Hemisfério.

A CLASSE SNIPE NO BRASIL

O snipe é um barco de 4,72 metros, para duas pessoas, projetado por William Crosby em 1931. É uma das classes que mais tem flotilhas espalhadas pelo mundo, o que a torna muito competitiva.

A classe snipe realiza mundiais sempre em anos ímpares e os hemisférios nos pares. Esses são os dois campeonatos mais importantes da classe, para os quais é necessário conquistar vaga em campeonatos nacionais do respectivo país.

Nenhum dos campeonatos nacionais e regionais da classe teve os mesmos campeões por mais de duas vezes. Este índice comprova o alto nível técnico que a classe apresenta hoje no Brasil.

1
Fale com o Inter
Olá, agradecemos sua visita! Informe seu nome e telefone aqui para ser cadastrado e receber informações vermelhinhas.

Esta ferramenta é utilizada somente para divulgação. As interações e contatos são atendidos pelo telefone (13) 3269-6900, e-mail secretaria@inter.org.br ou presencialmente na Secretaria do Clube.
Skip to content